Equipe da secretaria Estadual de Saúde (SES) estará presente na Ceasa Goiás no mês dedicado à saúde masculina

Equipe da secretaria Estadual de Saúde (SES) estará presente na Ceasa Goiás, a partir das 8h do próximo dia 10, quinta-feira, para desenvolver ação dentro do Novembro Azul, mês dedicado à saúde masculina. Serão realizadas ações de prevenção, distribuição de cartazes e folderes. Na Ceasa, pela estrutura existente, com consultório médico e odontológico, será realizada ainda ação de prevenção de câncer de boca e medicação para os casos positivos de Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s), como sífilis.
“O desafio é atrair esse público masculino e fazer com que ele tire um tempo para se cuidar, fazer exames e saber como está sua saúde. O objetivo do Novembro Azul é diminuir os casos de doenças que mais matam os homens, como as doenças cardiovasculares, por exemplo”, reforça a gerente de Atenção Primária da SES-GO, Ticiane Peixoto.
Entre as principais doenças que atingem esse público, as cardiovasculares lideram o ranking de mortes. Em Goiás, de 2016 a 2020, cerca de 30 mil homens, com mais de 30 anos de idade, foram vítimas dessas doenças. Em seguida vem o câncer, com 17,2 mil mortes em Goiás no mesmo período, segundo dados do Ministério da Saúde.
O câncer de próstata também possui alta incidência devido à resistência dos homens em buscar a prevenção. A média de idade no momento do diagnóstico é de 66 anos. A cada 10 casos, seis são diagnosticados em homens com mais de 65 anos, sendo raro ocorrer antes dos 40 anos. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), para cada ano do triênio 2020/2022, são diagnosticados no Brasil 65.840 casos de câncer de próstata. Em Goiás, no mesmo período, foram registrados 1.921 casos.
Todo homem com casos de câncer na família precisa fazer os exames de PSA (antígeno prostático específico) e o toque retal a partir dos 45 anos ou antes, conforme decisão do médico urologista. "Ainda existem homens com receio e preconceito com o exame de toque retal para detecção do câncer de próstata. É preciso, portanto, promover a compreensão e o entendimento a respeito da importância da prevenção, de forma a aproximar as pessoas desse tema e quebrar essas barreiras. Quanto mais cedo for detectada a doença, maiores são as chances de cura", esclarece o gerente de Atenção Secundária, Fabrício Pereira Montes.
As ações do Governo de Goiás pelo Novembro Azul pretendem conscientizar a população masculina sobre os riscos de todas essas doenças, reforçando também que consultas, exames de rotinas e adesão aos tratamentos propostos podem diminuir o número de mortes. E ainda alertar para o cuidado do corpo e da mente, como forma de prevenção, com dicas fundamentais de hábitos de saúde, como prática de exercícios, alimentação equilibrada, evitar o consumo de álcool e tabagismo e ter uma prática de sexo segura.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.