Ceasa lança campanha pelo fim do assédio no entreposto

#diainternacionaldamulher

Na Ceasa Goiás, cerca de 25 % do efetivo de trabalhadores é composto por mulheres.

Mas, apesar da forte presença feminina, a mulher da Ceasa ainda reclama porque são constrangidas pelo fato de serem mulheres, de serem atraentes, de apenas existirem como mulheres!

O “elogio” fora de hora, o “fiu-fiu” não requisitado ou desejado, às vezes, obscenidades, constrangem a mulher, que se sente não lisonjeada, mas agredida no seu direito à dignidade e de ir e vir sem incômodos. Tal atitude ficou definida pela lei como como assédio verbal.

Com base nessa triste estatística e reclamação feminina, a Ceasa Goiás aproveita o Dia Internacional da Mulher para lançar a campanha “Deixe a Mulher em paz na Ceasa Goiás”.

Para orientar homens e mulheres sobre a prática do assédio e da violência contra a mulher, foram criados folders e cartazes explicativos, orientando o homem a não praticar o assédio e à mulher a saber se defender, por meio de seus direitos e apoio.

O presidente da Ceasa Goiás, Lineu Olímpio, disse que, apesar de ser iniciada no dia 8 de março, a campanha será uma constante em todo o mercado, para que a mulher que trabalha ou precisa visitar a Ceasa de Goiânia possa circular tranquilamente sem constrangimento ou risco à sua segurança.

Se depender da administração da Ceasa Goiás, pelo menos no nosso entreposto...


NÃO VAI TER MAIS FIU-FIU!

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.